Um final de semana em Catas Altas

Oi gente, tudo bem?

No último final de semana tive a oportunidade de visitar Catas Altas, um Município de 5 mil habitantes, que fica localizado a apenas 130 quilômetros de Belo Horizonte e tem como destaque o visual maravilhoso para a Serra do Caraça.

Sempre ouvi falar muito bem do local, mas juro que não imaginava me deparar com um cantinho tão harmônico e com pessoas tão solícitas! Estou tão encantada, que pretendo voltar o quanto antes… Sem dúvida ainda tenho muito para descobrir e muito para contar por aqui!

Conhecemos alguns pontos turísticos bem bonitos, vejam só:

img_3911
Bicame de Pedra: construído em 1792 para a captação de água na Serra do Caraça
img_3923
Muro de 4 metros de altura, construído pelos escravos para o abastecimento de água das antigas fazendas da cidade
img_3932
Vista do Bicame de Pedra
img_4361
Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição
img_4039
Internamente a igreja é bastante rica em detalhes de talha branca e dourada. É comum notar a ornamentação em madeira crua, pintura branca e pintura definitiva, e isto está relacionado com as três fases distintas de construção, sendo que algumas obras ficaram inacabadas.
img_4333
Vista da praça principal a partir da Matriz
img_4334
Espetacular
img_4352
Um pouco do Centro Histórico
img_4281
Capela Santa Quitéria
img_4308
Construção do século XVIII
img_4307
Abre apenas uma vez por mês
img_4294
Vista a partir da capela
img_4305
Outro lado da vista a partir da Capela
img_4251
Cachoeira Santa
img_4255
Vista da cachoeira
img_4266
Vista da cachoeira
img_4257
Vista da cachoeira

Ficamos sabendo que existem aproximadamente seis cachoeiras na região, contudo, nosso tempo era curto e o final de semana estava alternando entre momentos com chuva e sem chuva, por isso fomos apenas na Cachoeira Santa, que é de fácil acesso. Quem tiver interesse e for ficar mais tempo, pode aproveitar melhor esses atrativos naturais. As pessoas da região sabem informar muito bem sobre os passeios, mas também é possível olhar com a equipe do turismo, nesse site aqui. 🙂

Se não bastassem todos esses passeios, também ficamos sabendo que a região é famosa pelos vinhos de jabuticaba. Com isso, fomos visitar o Sr. Elias, um dos produtores da região. Ele produz em casa e mora no Morro D’Água Quente, um distrito de Catas Altas.

Além de ter nos recebido super bem, ele explicou o processo de produção dos vinhos e contou que além de vinhos também fabrica licores e geleias. Tem opções de vários sabores e o auge das vendas acontece no mês de maio, época da Festa do Vinho!

img-20161204-wa0046
Produzidos por Elias Paulo
20161203_133846
Endereço: Rua Direita, 239, Morro D’água Quente. Telefone: (31) 3832-5066

No Morro nós aproveitamos para conhecer o Balneário, um parque bem pequeno, que conta com lanchonete e piscina de água natural. Vejam:

20161203_141150

20161203_141226

20161203_141305

O distrito é bem interessante e diferente, inclusive, tem uma matéria especial sobre ele em um vídeo que encontrei no YouTube. Vejam clicando aqui

Outra dica é que por lá eles realizam um festival chamado Sabores do Morro. O encontro acontece uma vez por mês e reúne 15 produtores da região que apresentam quitutes, geleias, licores, hortaliças, cafés e várias outras riquezas da comunidade. Eles possuem uma página no Facebook com todas as informações. Fiquei super curiosa, então quando eu for novamente à cidade quero me organizar para conhecer.

Também tivemos a oportunidade de conhecer a cerveja da região, chamada de Time’s Beer! Ela é produzida pelo Helber, um sommelier de cervejas, e pode ser encontrada no bar La Viola Brasseire, que fica na praça principal da cidade:

20161203_184412

Gente, o final de semana foi maravilhoso! É um passeio excelente para quem de lugares calmos e rodeados pela natureza. O curioso é que eu sempre ouvi falar que não tem muito o que fazer por lá, contudo, conversando com os moradores, descobri que tem muitas opções de programação na região.

A dica que eu dou é: conversem! Vivam a cultura e os hábitos do local que com certeza vocês vão se apaixonar!

Ah, para conferir nossas dicas sobre região (onde comer, onde hospedar e passeio no Caraça), clique aqui ou use a tag #cmcatasaltas no Instagram!

Beijos e até a próxima, Isabela!

 

2 comentários

  1. Oi!!! Estou querendo ir para catas altas e fazer quase a mesma rota de vocês, ficaram quantos dias nesse paraíso?

    1. Ficamos de sexta à domingo… Sexta e sábado em Catas Altas, domingo fomos ao Caraça! 🙂

Deixe uma resposta